Detalhes do projeto SGP 1673

Página Inicial / Busca de Projetos / Detalhes do projeto

Projeto Piloto - Produção de mudas de seringueira em bancada suspensa.

Coordenador(a): Elaine Cristine Piffer Gonçalves

Vigência do projeto

01/01/2017 até 28/09/2018

Unidade responsável

DDD, Polo Regional Alta Mogiana

IAC, Centro de Seringueira e Sistemas Agroflorestais

Área Estratégica

tecnologia da produção

Linha de Pesquisa

Sanidade Vegetal

 

 

O sistema de produção de mudas de seringueira não evoluiu nestes últimos 40 anos e muitos viveiristas estão produzindo e comercializando mudas de baixa qualidade genética, sem rastreabilidade de sementes, borbulhas e sem responsável técnico. Em agosto de 2009 o MAPA criou uma Normativa para se produzir mudas de seringueira no País e em 2015 o Estado de São Paulo (maior produtor de borracha do País), criou uma Normativa Estadual em atendimento à Norma Federal.  O objetivo desta Norma entre outros, é a proteção tanto de Viveiristas quanto de Heveicultores no que tange a sanidade e qualidade genética das mudas.

Essa legislação foi estabelecida após um trabalho da Coordenadoria de Defesa Agropecuária e a UNESP de Jaboticabal em 2013, que constatou que 74% das amostras de raízes das mudas dos viveiros de chão, estavam contaminadas com nematóides. Para que o Viveirista não corra risco de ter sua produção comprometida, a lei estadual já exige que as mudas sejam em bancada suspensa visto que é quase impossível produzir no solo, mudas sem nematóides. Caso o viveirista apresente laudo de nematóides e este esteja presente em suas mudas, estas deverão ser queimadas, o que geraria um prejuízo grande ao viveirista. Por outro lado, o produtor rural também estará sendo beneficiado, pois na maioria das vezes é através das mudas que ocorre a disseminação de nematóides prejudiciais a seringueira, na sua propriedade.

Se partirmos do princípio que cabe ao produtor rural cuidar de suas terras e ao Estado evitar a disseminação de pragas e doenças o sistema de produção de mudas de bancada suspensa se encaixa como uma luva. Além disto, as mudas produzidas neste sistema possuem um sistema radicular mais abundante quando comparado as mudas convencionais o que garante homogeneidade de plantio e maior uniformidade do futuro seringal, sem contar que possui rastreabilidade genética.

No estado de São Paulo, após a obrigatoriedade da Normativa, houve por parte de alguns viveiristas uma reação contrária no atendimento da mesma uma vez que a maioria dizia que era impossível ter sucesso neste tipo de produção de mudas. Por outro lado, alguns viveiristas mais tecnificados conseguiram produzir este tipo de muda sem problema.

Visando solucionar este impasse a Comissão Técnica de Seringueira da SAA em parceria com a Estação Experimental de Bebedouro está instalando uma área demonstrativa para validação do Boletim Técnico de Produção de Mudas de seringueira em bancada suspensa e substrato e além disto realizará outras pesquisas com duas empresas de nutrição para disponibilizar inovações aos Viveirsitas.

Além disto, parte das mudas produzidas serão utlizadas para a renovação dos jardins clonais da APTA (Pólos da Alta Mogiana e Centro Norte). 

  Sobre

O SGP (Sistema de Gestão de Pesquisa) foi implementado em todas as unidades APTA, para centralizar o controle de todos os projetos desenvolvidos sob sua supervisão. [Ler mais]

Endereço APTA – São Paulo

Praça Ramos de Azevedo, 254, 2º andar - República, São Paulo - SP

Fone : (11) 5067-0447 e 5067-0427

  Endereço APTA – Campinas

Avenida Barão de Itapura, 1481 - Botafogo, Campinas - SP

Fone : (19) 2137-8930